Direção Segura

Segredos para uma direção Segura



​Você deve adotar a postura correta ao dirigir
Evite dirigir com o banco muito inclinado. Mantendo a boa postura, o joelho deve ficar posicionado e flexionado, e perna apoiada no assoalho. Essa posição vai amortecer o impacto de colisão, poupando a região da bacia. Além disso, o cinto e o air-bag foram projetados para postura correta.

Nunca dirigir com apenas uma mão ao volante
Segure o volante na posição “dez para as duas” (imagine os ponteiros de um relógio), não estique muito os braços, para que possa ser movimentado livremente em situação de emergência.

Regule o encosto de cabeça na altura dos olhos
Isso vai evitar o movimento excessivo e brusco na região do pescoço em caso de colisão traseira. Uma lesão na coluna dorsal nesta região traz conseqüências gravíssimas.

Regule os espelhos, a climatização e o som, antes de colocar o carro em movimento, evitando de fazer isso dirigindo.

Zona morta (campo visual neutro)
Tome cuidado para não ser surpreendido por outro veículo na hora em que decidir mudar de faixa ou fazer ultrapassagem. Outro veículo pode ultrapassar você, e não aparecer no seu retrovisor lateral. O espelho não o mostra, por estar numa “zona morta”, em local em que não é possível ser refletido.

Mantenha os faróis acesos mesmo durante o dia nas viagens
Isso diminui os riscos de acidentes, aumentando a visibilidade sobre o seu carro.

Sono ao volante 
Não há nada a se fazer contra o sono. Ele é uma necessidade biológica que vai se manifestar. Não depende de sua vontade. O melhor remédio contra o sono é o planejamento e a escolha do horário certo para se iniciar uma viagem. Observe nos jornais os horários de acidentes graves: eles geralmente ocorrem à noite, quando o motorista é traído pelo sono. Evite, sempre que puder, dirigir à noite.

Algumas considerações sobre a cor do seu carro

Carros de cor preta são menos visíveis à noite, portanto deve-se ter cuidado redobrado em não esquecer de acender os faróis à noite. Os carros de cor prata são menos visíveis em nevoeiros.

Objetos cortantes e pontudos
Uma colisão simples, banal, pode se transformar em uma tragédia quando você carrega objetos cortantes. É por isso que os vidros do seu carro são feitos de vidro temperado. Recipientes de vidro, varas de pescar, espetos, produtos feitos em PVC e etc., viram objetos cortantes e perfurantes quando estilhaçados. Devem ser carregados sempre no porta-malas. Da mesma forma, é desaconselhável dirigir com canetas no bolso da camisa.
 
Aquaplanagem
Quando o carro passa em velocidade superior a 90 km/h por poças grandes que se formam pela chuva, uma película de água se forma entre o pneu e o asfalto, deixando o carro sem contato com o chão. Quando for surpreendido por uma situação dessas, mantenha a direção firme e evite freadas ou mudanças bruscas no volante. Tire o pé do acelerador e logo você sentirá a direção voltar ao seu controle. Pneus lisos ou de meia-vida tendem a aumentar os efeitos da aquaplanagem, devido à quase ausência de sulcos. A aquaplanagem é extremamente perigosa nas curvas.



​Celular no trânsito
Celular tocando. Você tem duas opções: estacione e atenda; ou não atenda: retorne a ligação depois, afinal, a maioria das chamadas tem identificação.

Cortina de fumaça na rodovia - incêndios
Ao entrar numa cortina de fumaça, você perde a visibilidade de quem está na sua frente. O mesmo acontece com o veículo que vem atrás. Ou seja, você não enxerga nada e também não é visto dentro da fumaça.

Se entrar em alta velocidade na fumaça, pode bater na traseira de outro veículo mais lento. Por outro lado, se diminuir a velocidade bruscamente, pode ser atingido por trás. O quê fazer? Pare no acostamento, avalie a situação antes de tomar qualquer decisão.

Sistema antitravamento de freios (ABS)
O sistema ABS, ao contrario do que se pensa, não aumenta a eficiência dos freios. O que acontece é que as rodas não travam, elas rodam em pequena velocidade permitindo que o motorista faça manobras.

Com as rodas travadas, o veículo se arrasta mantendo a trajetória, independente da posição das rodas. Com o ABS, o veículo não se arrasta e obedece a trajetória escolhida pelo motorista. O ABS é muito útil para evitar colisões em baixa velocidade. Não se iluda: em alta velocidade ele pouco pode ajudar.